Lugar de mulher é onde ela quiser estar!

Os professores da FEAMIG Raquel Ferreira e Paulo Villani escreveram um importante artigo sobre a mulher no mercado de trabalho. Essa é uma valiosa reflexão sobre a importância do empoderamento feminino e sobre as lutas por iguais salários e condições de trabalho. Confira!

 

LUGAR DE MULHER É ONDE ELA QUISER ESTAR!

Profª Raquel Ferreira de Souza

Prof. Paulo Villani

 

Mundialmente, tem-se visto um movimento de luta contra toda forma de preconceito, cerceamento, subalternação e violência contra a mulher. Tradicionalmente, a mulher foi submissa ao homem, contudo esse quadro, ao longo da história, foi sendo alterado, devido à luta feminista pela igualdade e liberdade em relação ao homem.

Apesar das várias e contínuas lutas feministas, muitos lugares sociais ainda tendem a diminuir a mulher em seus direitos e um deles é o mercado de trabalho.

Além da violação que é ter remuneração menor do que o homem em várias profissões, mesmo tendo a mesma formação ou melhor, cargo e tempo de casa, há profissões predominantemente masculinas, que acabam por fechar as portas e inibirem a entrada de mulheres.

A área da Engenharia é um exemplo de profissão que durante muito tempo foi direcionada apenas a homens; hoje, não mais!

Cada vez mais, as engenheiras têm mostrado a qualidade e a competência de seu trabalho e passado à frente, muitas vezes, no reconhecimento de suas carreiras.

Fato é que o preconceito existe e é nítido na sociedade brasileira, exigindo da engenheira mais empenho em sua formação e atuação. No entanto, essa exigência maior, que poderia até ser vista como algo injusto, pode se tornar algo positivo, se for tratada como uma mola propulsora para o empoderamento das engenheiras em suas carreiras e vidas.

Quanto mais preparada para um mercado de trabalho desigual e injusto, mais espaço alcançará.

Fato é que a mulher, de qualquer profissão que seja, deve ser senhora de suas escolhas e carreira, não deve aceitar ser subalternada pelo mercado de trabalho, muito menos na sociedade como um todo.

Empodere-se! Estude! Tenha uma ótima formação. Tão boa, que não seja possível a uma empresa fechar as portas para você, por ser mulher. Este é o melhor conselho que se pode dar a uma profissional!

 

O que achou do post? Comente e nos acompanhe nas redes sociais: estamos no Facebook, no Instagram, no Twitter e no LinkedIn.

Comments

comments

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"